terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Vidas Extraterrestre

   Muitas vezes passo pela pergunta sobre a vida fora do planeta Terra. Quando questionado há sempre um aguardo das pessoas sobre o tipo de vida que pode haver fora do nosso planeta, neste momento devolvo a questão com uma brincadeira para a reflexão: "O que é vida?"
   Quando falamos em vida extraterrenas vem a nossa cabeça seres como Alien, Chupa-cabra, Alf Et-teimoso, e outros seres espaciais do cinema. Porém, ao levar em conta a vida, é algo muito mais complexo. A vida como conhecemos baseada no carbono, evoluída graças a existência de água líquida em nosso planeta, é um ponto de partida, mas devemos também pensar no nível da complexidade que buscamos, uma bactéria pode ser considerada tão viva quanto eu, você ou seu animal de estimação. 
   Exitem pesquisas dentro dos principais centros espaciais que buscam por este tema que cogitam, junto à biologia um tipo de vida não-baseada no carbono, mas em outros elementos da tabela periódica. O carbono que teve toda esta importância por poder formar grandes cadeias, facilidade em reagir e mudar suas formas facilitando a evolução, poderia ser substituído por outro elemento em algum lugar distante.
   Mas a principal busca quando tocamos neste quesito é a busca por locais que tenha água. Todos os dias ouve-se em reportagens científicas que procura-se (ou encontra-se) planeta que tenham as mesmas características da Terra (tamanho, temperatura, em torno de uma estrela como o nosso sol), mas o principal é a busca por água. Sabemos da importância da água para vida, e portanto devemos saber que onde houver água, há também grandes chances de existir algum tipo de vida. Há pesquisa por busca de água no nosso satélite natural, no satélite Europa que orbita o planeta Júpiter e mesmo em alguns planetas fora do nosso sistema solar.
   Nossas idealizações sobre o assunto povoam nossa mente em busca características humanas, pois é assim que nosso cérebro se conforta, é com a busca de coisas que sejam parecidas com o que conhecemos. Quando olhamos para o céu e vemos nuvens, associamos suas formas a animais, instrumentos de trabalho, brincadeiras ou pessoas. Muitas constelações foram desenhadas em um esforço de enxergar os heróis das lendas antigas. Quando vemos, por exemplo a constelação de escorpião, podemos enxergar também um guarda-chuva e assim é quando buscamos seres fora do nosso planeta.
  Então, quando me perguntam sobre a vida estra terrestre penso que acredito, mas não em vida tão complexa como a nossa, pois seres como nós precisamos de detalhes tão aparentemente insignificantes, que seria uma coincidência muito grande para que estes houvessem se repetido em algum outro lugar do nosso mundo, por maior que seja.